terça-feira, 7 de outubro de 2008

Professor Demitido

Dedico este texto a um amigo, cujo ex-professor foi vítima da velha e péssima ignorância coletiva.
"Um professor de literatura foi demitido da escola Parque, na zona sul do Rio de Janeiro, após os pais de seus alunos terem descoberto que ele era autor de poemas eróticos divulgados na Internet."
Após dar uma palestra nesta escola, seus poemas foram descobertos pelos alunos, e em seguida pelos pais dos alunos, que não quiseram mais a presença do professor na escola.
Convenhamos, os poemas do professor são de fato um tanto explícitos, mas em verdade, não mais do que as músicas que os alunos ouvem durante as aulas, segundo dizem algumas pessoas com quem conversei a respeito.O professor não chegou a ser alertado sobre isso, simplesmente foi demitido imediatamente.
Agora, é certo fazer isso?Digo, o homem não estava divulgando nenhum tipo de pornografia para seus alunos, ele tem seu espaço próprio na internet onde ele pode demonstrar suas idéias para todos, não diferente do espaço onde você lê este artigo.Um espaço onde pode se falar abertamente e receber comentários, sejam estes homenagens ou críticas construtivas.Ninguém forçou os estudantes a ler os poemas.Ninguém impôs os versos à eles no ambiente da esola, e, ainda que o tivessem feito, em quê isso se diferenciaria daquelas sujas e louvadas combinações de pornografia auditiva explícita ouvida por jovens do país inteiro?
Ah, mas é claro, os jovens podem ouvir o que lhes der na telha, não importa onde estejam, agora quando a referência cultural em questão trata-se de um poema, sempre há limites, certo? Claro, pois vindo dos adultos que não são da família, o jovem não pode receber qualquer tipo de coisa que o influencie ao sexo, teoricamente falando.Pois eu vos digo uma coisa; é por absurdos como este que o país não vai pra frente.Quer dizer, o governo aceita o projeto de lei que coloca máquinas de camisinhas em escolas públicas e quando um mané acha poemas eróticos na internet o autor dos mesmos perde o emprego?
Leitor, censura; censura, leitor.

3 comentários:

André disse...

odeio esse país ='D
por isso que eu vou ficar famoso fazendo músicas sobre sexo

Vera disse...

Passei aqui, depois faço meu comentário.

BruniLda disse...

CRÉÉÉÉÉÉU ;P Sei que tu não gosta, eu até concordo! Por que eu escuto esse tipo de música e meus pais SABEM e se eu achasse poemas éroticos de um de meus professores eu não ia comentar nada, concordo que o Brasil não anda por conta disso! Como diz o antigo ditado: "Sempre há um FDP" ;)

Beijão gordo ;*